21.5 C
Paramirim
16 de abril de 2021
Início Érico Cardoso Foto de quando Érico Cardoso se chamava Água Quente

Foto de quando Érico Cardoso se chamava Água Quente

Foto da Nossa Querida Água Quente

Olhando essa foto do Município de Érico Cardoso, naquele tempo denominada por Água Quente, vem-nos a mente o quanto é importante o registro. Água Quente começa naquele momento a se erguer, casarões eram construídos, a pecuária e a agricultura se formavam nas beiras das margens férteis do Rio Paramirim e cobravam dos habitantes locais melhorias. A Religião Católica, forte em todo o Brasil, já se mostrava latente no seio do povo aguaquentense, fato comprovado com a imponência da bela e grande Igreja Matriz.

Essa fotografia se encontra na Secretaria de Cultura de Paramirim, foi lá onde captamos a imagem que ilustra nosso texto. No rodapé da mesma tem o seguinte dizer: “Igreja do Carmo de Água Quente, Década de 20”.


Luis Carlos Billhttps://focadoemvoce.com/
Luiz Carlos Marques Cardoso (Bill) trabalha de forma amadora com fotografia e filmagem. Ele gerencia atualmente dois sites: um de notícias e um pessoal. Está presente nas redes sociais, como no Instagram e Facebook, e tem um canal no YouTube com uma variedade grande de vídeos referentes à região da Chapada Diamantina e do Sertão brasileiro. Sua formação profissional é a de Contador.

9 COMENTÁRIOS

  1. OLHANDO ESSA FOTO, ELA NOS LEVA E ENXERGAR O QUANTO É IMPORTANTE PRESERVAR A MEMÓRIA E CULTURA DO UM POVO. GOSTARIA DE VER CRIADO UM MUSEU EM NOSSO MUNCIPIO,ONDE FOTOS, ARTIGOS E MAIS ALGUMAS COISAS PUDESSEM LEVAR A TODOS A CONHECER NOSSA HISTÓRIA, POIS A MESMA É MUITO ENCANTADORA E RICA.

  2. Fico muito feliz, quando alguém divulga a história da nossa Cidade. Eu sepre estou fazendo isso, tenho muito orgulho dessa terrinha e muitas saudades das pessoas que já se foram, principalmente meus queridos pais e familiares.
    Parabéns Luiz.

  3. Esta cidade é uma joia encravada no sertão baiano. Mas ainda mais precioso são o seu povo. Ali estão pessoas que nos conquistam simplesmente pelo jeito de ser. Cidade pequena com pessoas de coração nobre. Saudades desse lugar

  4. Revendo essa foto de Água Quente (hoje Érico Cardoso), bateu uma grande saudade e remeteu-me na década de 70,
    quando lá estive durante 01 mês fazendo um trabalho p/o INCRA. Na época era Prefeito o Sr. Ademário, um homem de bem, e que me acolheu juntamente c/seu filho
    Dormário dando-me uma condição semelhante a mesma que eu tinha em minha casa.
    “Velhos tempos, velhos dias “(como diz R. Carlos). As boas ações dos homens não devem ser esquecidas. Ao Sr. Ademário (in memorian) e a Dormário meus agra-
    decimentos.
    cidas.

  5. Esta Igreja é um patrimônio histórico da minha querida Água-Quente.Aliás existem muitos casarões que poderim ser tomabados como patrimônio.
    É uma cidade que encanta, pelas serras que a cerca, pelos rios, riachos, paisagens.
    A memória me retrata o barulho característico do carro de boi, pelas madrugadas a dentro nos engenhos de rapadura……………ah!!! são tantas lembranças….. passear na enchurrada numa vala que tinha no meio da rua, correr para pegar as tanajuras, tomar banho no piçarrão, olhar as grandes enchentes carregando madeiras, tomar parte das grandes mesas com todo tipo de biscoito nos batizados e casamentos, as montarias a critério na entrada da festa….ah! a chegada do circo…….”o palhaço que é”…….e a criançada atrás para ganhar o bilhete………..
    Mas o tempo passa, as coisas mudam e o progresso chega, faz parte., contanto que sejam mantidas as tradiçoes, para que o povo não perca sua identidade.
    É louvável a idéia da criação de um museu para retratar a memória tão rica desta cidade.
    E, por falar em memória da cidade, me perdõe um desabafo (é a única lembrança triste que tenho da história da cidade) Minha mãe foi professora durante toda sua carreira de mestra. Um dia alguém quiz homenageá-la colocando um retrato em um Grupo Escolar, tempos depois, este retrato foi encontrado o lixo.Coisas de poilítica? creio que sim.Quem fez isso? Nunca procurei saber, não só pela dor que me causou,mas principalmente porque não gosto de coisas que não constói.NÃO SEI SE É CERTO PEDIR PERDÃO PELO RELATO.Um DESABAFo.

  6. Eu voltei no tempo com essa fotografia e com o comentário da Judilce (tenho vontade de vê-la), como é bom ter do que lembrar e do que ter saudades e eu tenho destas pequenas e simples coisas..como é bom ter raízes e referências, tenho orgulho de minhas origens e faço questão de transmiti-la e cultivá-la..não conhecia o site, vou ser frequentadora assídua, viver estes momentos daí apsesar da distância. Eu me lembro de D. Dulce e ouço as histórias dela contadas pelo meu pai, qdo ia de cavalo dar aula em Abadia..que pena que ainda tem pessoas com essa menalidade.

  7. Tudo relacionado a Água-Quente me traz belissimas recordações.
    Moro em São Paulo, mas todo ano quando vou passear ai na Bahia, não deixo de rever
    minha querida Água-Quente (Érico Cardoso).
    Um beijo a todos os meus conterraneos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique Conectado

5,996FãsCurtir
3,600SeguidoresSeguir
105,000InscritosInscrever

Anuncie Aqui

Anunciando sua marca, produto ou serviço nesta página você terá a garantia de visibilidade entre usuários qualificados. São mais de 15.000 usuários únicos e 200.000 visualizações mensais.

Mais Artigos