28.1 C
Paramirim
2 de julho de 2020
Início Caatinga Já não bastava a seca, agora os gafanhotos

Já não bastava a seca, agora os gafanhotos

O Sertão é duro, é seco, é de Cabra Macho. Aqui quando a pessoa pensa que vai se dá bem, algo logo aparece e lhe mostra o contrário. Uma terra marcada pelas longas estiagens faz o homem do campo sofrer as piores privações. O gado definha até a morte, o barreiro agoniza sem água, o pasto ora seco ou sequer existe mais. Com tudo isso que já comentamos e muito mais que deixamos de acrescentar, não é que a coisa ainda ficou pior. Se a estiagem dos textos antigos foi uma das sete pragas do Egito, o gafanhoto foi outra. A terra do Oriente sofreu por vários anos, nosso povo sofre também.

Deixamos nesta página algumas fotografias, colhidas por nós em um curto período, no máximo uma hora, de gafanhotos. A abundância era tanta que não tivemos dificuldade de fotografá-los. São várias qualidades de gafanhotos. Flagramos um devorando um companheiro de espécie, canibalismo puro. Como já não há mais mato verde para comer ele começaram a atacar as palmas forrageiras. As árvores estão todas sem as folhas, os danados já as cortaram todas. Um senhor estava com um pequeno plantio de mandioca, não sobrou nada.

O engraçado é que há a época deles aparecerem e tem a que somem por completo. Talvez a causa do aparecimento de tantos insetos seja o desequilíbrio ambiental. A Caatinga some ao sabor amargo dos machados e dos motosserras. Quem não cuida da casa onde mora corre o risco de dormir com os ratos. Se nós damos cacetada na Natureza receberemos como efeito da causa outras porretadas.

Se no Brasil tivéssemos o habito de comer gafanhotos, fala a verdade, estes das fotos já estariam na frigideira com óleo quente. Talvez estivessem ameaçados de extinção.

Luis Carlos Billhttps://focadoemvoce.com/
Luiz Carlos Marques Cardoso (Bill) trabalha de forma amadora com fotografia e filmagem. Ele gerencia atualmente dois sites: um de notícias e um pessoal. Está presente nas redes sociais, como no Instagram e Facebook, e tem um canal no YouTube com uma variedade grande de vídeos referentes à região da Chapada Diamantina e do Sertão brasileiro. Sua formação profissional é a de Contador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique Conectado

6,000FãsCurtir
3,600SeguidoresSeguir
105,000InscritosInscrever

Anuncie Aqui

Anunciando sua marca, produto ou serviço nesta página você terá a garantia de visibilidade entre usuários qualificados. São mais de 15.000 usuários únicos e 200.000 visualizações mensais.

Mais Artigos

Mi Note 10 – Vídeos E Fotos

Participem Do Próximo Vídeo

Flores – O Nascimento Da Vida

Carcará No Sertão