28.7 C
Paramirim
16 de maio de 2021
Início Caatinga Dia Nacional de Conservação do Solo - Por Antônio Gilvandro

Dia Nacional de Conservação do Solo – Por Antônio Gilvandro

O 15 de abril, no calendário brasileiro, é a data celebrativa deste importante tema. A escolha deste dia é uma homenagem ao conservacionista Hugh Hammond Bennett, considerado “o pai da conservação do solo nos Estados Unidos e um modelo para todas as outras nações. Qualquer tipo de deposição, disposição, descarga, infiltração, acumulação, injeção ou encerramento de substância e produtos poluentes, em estado líquido, sólido ou gasoso, nos solos e subsolos deve ser combatido. O caso é tão preocupante que existem ainda outras datas destinadas à celebração do Solo, como o Dia Internacional do Solo (5 de dezembro) e Dia Internacional da Mãe Terra (22 de abril). Muitas vezes, nós ficamos assustados com o desenrolar da vida no planeta e damos uma de vítimas, sem nos conscientizar que por si só a situação mundial, em todas dimensões, sofre o impacto da irresponsabilidade humana. Agimos como se fôramos os donos exclusivos da terra, praticando a bel-prazer o que nos indicar nossa vontade! Daí, defrontarmo-nos com problemas agudizados e agonizantes que geramos e ficamos a assistir passivamente à vida que estoura nas arenas do mundo! Pelas conclusões científicas, políticas, sociológicas, a crise que estourou sobre o mundo, pelo advento dessa infame peste chinesa, não foi por culpa exclusiva do homem, que a gestou e pariu num laboratório?! Cheguemos a uma séria e incontestável convicção que a crise do mundo moderno é uma crise antropológica, ou seja, é uma crise do Homem que ” Perdeu o endereço de Deus,” como asseverou o poeta inglês Thomas Hardy. Na perspectiva da intransigência irracional, tem- se a impressão da hegemonia pragmática que se vê nesta frase do mesmo Poeta: “O AMOR SE DEGRADA EM LISONJA, A LISONJA EM MANIPULAÇÃO E A MANIPULAÇÃO EM ÓDIO”.

Texto: Antônio Gilvandro Martins Neves.

Luis Carlos Billhttps://focadoemvoce.com/
Luiz Carlos Marques Cardoso (Bill) trabalha de forma amadora com fotografia e filmagem. Ele gerencia atualmente dois sites: um de notícias e um pessoal. Está presente nas redes sociais, como no Instagram e Facebook, e tem um canal no YouTube com uma variedade grande de vídeos referentes à região da Chapada Diamantina e do Sertão brasileiro. Sua formação profissional é a de Contador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique Conectado

5,996FãsCurtir
3,600SeguidoresSeguir
105,000InscritosInscrever

Anuncie Aqui

Anunciando sua marca, produto ou serviço nesta página você terá a garantia de visibilidade entre usuários qualificados. São mais de 15.000 usuários únicos e 200.000 visualizações mensais.

Mais Artigos