34.2 C
Paramirim
14 de abril de 2021
Início Paramirim CONTRA ASSOMBRAÇÕES, MUITAS REZAS - Por Antônio Gilvandro

CONTRA ASSOMBRAÇÕES, MUITAS REZAS – Por Antônio Gilvandro

Ontem, falei sobre Mitos, destacando o Lobisomem por ser a figura mais popular na nossa ingênua crendice. Presente no folclore brasileiro, é conhecido por ser um homem que se transforma em lobo em noites de lua cheia e sai em busca de vítimas para alimentar-se do sangue delas. Outra crença sobre ele no Brasil é que tentava invadir as casas para comer as crianças pagãs. Aqui, em Paramirim, apontavam pessoas que teriam o poder de transformar-se no lobo cabeludo. Conheci, quando criança, um homenzarrão idoso chamado Olímpio que era tido como um que exercia essa função maléfica na Quaresma. Em contrapartida, para extirpar a ação desses espíritos e dos travessos duendes, surgiu a falada Encomendação das Almas, uma tradição popular católica, frequente em Portugal e Espanha, desde o século XVII, donde se propagou ao Brasil, pela Quaresma. O seu objetivo é auxiliar “as almas do purgatório ” que ainda cumprem uma pena. Os que participam do ritual se reúnem na casa de uma liderança, por volta da meia-noite, seguem em silêncio, envoltos em lençóis brancos, com velas nas mãos A regra é não olhar para trás, pois acredita-se que com eles segue uma procissão de almas acompanhando o cortejo. Quando chegam em lugares como cemitério, igrejas, tocam a matraca para acordar quem está nas imediações. Os moradores rezam dentro de casa, sem abrir a janela para ver o cortejo, e os penitentes oram do lado de fora. A cantoria é muito sentimental. Em nossa Cidade, havia um grupo regido por D. Regina de Maroto que iam para as encruzilhadas rezar, jogar água benta e pedir o Senhor Deus Misericórdia, todos de joelhos… Acontece que a secularização dos costumes, a volta às fontes bíblicas da Quaresma vêm tornando viva a mensagem do povo. Será que a figura do Lobisomem não é aquele que explora o povo? Será preciso as matronas piedosas enfrentarem a noite fria para rezar por aqueles que não estão nem aí com o Cristo que sofre.na pessoa dessa multidão de pobres e empobrecidos?

Texto: Antônio Gilvandro Martins Neves.

Luis Carlos Billhttps://focadoemvoce.com/
Luiz Carlos Marques Cardoso (Bill) trabalha de forma amadora com fotografia e filmagem. Ele gerencia atualmente dois sites: um de notícias e um pessoal. Está presente nas redes sociais, como no Instagram e Facebook, e tem um canal no YouTube com uma variedade grande de vídeos referentes à região da Chapada Diamantina e do Sertão brasileiro. Sua formação profissional é a de Contador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique Conectado

5,996FãsCurtir
3,600SeguidoresSeguir
105,000InscritosInscrever

Anuncie Aqui

Anunciando sua marca, produto ou serviço nesta página você terá a garantia de visibilidade entre usuários qualificados. São mais de 15.000 usuários únicos e 200.000 visualizações mensais.

Mais Artigos