31.6 C
Paramirim
28 de julho de 2021
Início Paramirim Carmelita Britto Vieira

Carmelita Britto Vieira

Os Noventa Anos da Mestra.   Assim que me lembrei desta significativa data, a que tanto me manifestei, por algum tempo, não poderia passar in albis este evento que reputo histórico. É que a 16 de junho de 1931 nascia nesta Cidade Carmelita Britto Vieira. Aqui veio ao mundo, cresceu, brincou, estudou, saiu para cursar a Escola Normal em Caetité, ensinou, casou-se, gerou filhos biológicos e pelo coração e, bem recentemente, partiu para a Pátria Celeste. A ela sempre devotei muita estima, pois ainda bebê, morando na casa vizinha com meus pais à casa dos pais dela, ainda à madrugadinha, dizem que eu acordava e minha babá levava-me até lá, onde ela me acolhia com o maior carinho e me punha para dormir de novo na cama dela. Durante o dia, trocava-me a roupa, as fraldas, tudo num gesto muito maternal. Embora eu não me lembre desses fatos, por eu ser tão infantil, ainda assim ficou incrustado no meu subconsciente este gesto maternal de afeto que o tempo jamais ousou embotar! Dessa forma, nesta data de hoje que tanto celebrei com a Homenageada, não poderia ficar sem meu aplauso, por tão notável magnitude! Creio ser para todos nós, sem exceção, um dia de Ação de Graças pela vida de uma mulher que se fez Mestra para, além de alfabetizar, formar Cidadania, colaborando eficazmente para a felicidade geral do homem todo. Sua paixão pela educação ” tinha também suas paisagens”, como asseverou o pedagogo Rubem Alves. E as paisagens que esta Mestra emoldurou em tantos jovens foi prepará-Los para o jardim da vida! Tantos pais e mães de família, tantas individualidades de escol, espalham -se por este Brasil em fora, obras -primas de uma Mestra do sertão que, não se deixou atabalhoar pelas luzes dos holofotes, mas brilhou no silêncio , fazendo valer os resultados !Existe um mundo que acontece pelo desenrolar lógico da história, em toda a sua crueza e insensibilidade. Mas há um mundo igualmente concreto que nasce dos sonhos. Quando os sonhos assumem forma concreta, dizia o filósofo alemão Hegel, “surge a beleza. O profeta persa Zaratustra dizia haver chegado o tempo para que o homem plantasse as sementes de sua mais alta esperança. E foi o que a Mestra Carmelita: Buscou discípulos para neles plantar esperanças de um mundo melhor, mais digno e mais cristão! Parabéns aos céus por ter consigo mais uma sábia Mestra, uma Santa porque é Mãe e toda Mãe é Santa porque em seu seio é que gera a Vida!!!

Texto: Antônio Gilvandro Martins Neves.

Luis Carlos Billhttps://focadoemvoce.com/
Luiz Carlos Marques Cardoso (Bill) trabalha de forma amadora com fotografia e filmagem. Ele gerencia atualmente dois sites: um de notícias e um pessoal. Está presente nas redes sociais, como no Instagram e Facebook, e tem um canal no YouTube com uma variedade grande de vídeos referentes à região da Chapada Diamantina e do Sertão brasileiro. Sua formação profissional é a de Contador.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Fique Conectado

5,996FãsCurtir
3,600SeguidoresSeguir
105,000InscritosInscrever

Anuncie Aqui

Anunciando sua marca, produto ou serviço nesta página você terá a garantia de visibilidade entre usuários qualificados. São mais de 15.000 usuários únicos e 200.000 visualizações mensais.

Mais Artigos